Blog do Feijão Blog do Feijão

Vacinação em Sombrio – O STF dia 23/02 removeu a barreira que poderia impedir a Prefeita Gislaine Cunha de cumprir sua meta de vacinação de toda a população de Sombrio até o final do ano. Com sua decisão unanime autorizou que estados e municípios comprem e distribuam vacinas contra a Covid-19. Essa permissão valerá caso o governo federal não cumpra o Plano Nacional de Imunização ou caso as doses previstas no documento sejam insuficientes.

Sons de marte – No dia 18, a espaçonave Perseverance da Nasa pousou com sucesso em Marte, em busca de indícios de que já houve vida no planeta vermelho. Dia 22 a Nasa divulgou sons de Marte pela primeira vez na história, além de um vídeo do pouso da espaçonave na cratera de Jezero, bacia no planeta vermelho onde cientistas acreditam que possa existir algum sinal de vida de bilhões de anos atrás. O rover Perseverance foi equipado com dois microfones, um para captar o áudio do pouso e outro instalado na câmera do aparelho. O primeiro não conseguiu coletar seus dados corretamente e oficiais da Nasa especulam que houve um erro de comunicação, e não um problema na engenharia, entre o sistema que converte o som para o computador. Agora, ambos os microfones estão funcionando e vão continuar coletando som por um tempo.


CDL e ACIS de Sombrio - O Vereador Peri pediu na tribuna da Câmara apoio das duas entidades representativas do comércio e indústria de Sombrio, para diminuir o aumento de 25% do IPTU, pois vai beneficiar os consumidores. Em Araranguá as duas entidades ACIVA e CDL apoiaram a redução do imposto.


Preocupação com a pandemia - A preocupação com a pandemia de covid-19 aumentou para 52% dos brasileiros no último mês. É o que mostra levantamento realizado pelo PoderData divulgado dia 23/02. Outros 39% disseram que a preocupação sobre a pandemia está “no mesmo nível, enquanto 5% afirmaram que diminuiu. Foram 4% os que não souberam ou não responderam. A taxa dos que avaliam que a pandemia está pior é maior entre mulheres (56%), os idosos com mais de 60 anos (58%), os que cursaram o ensino superior (65%), e os moradores do Centro-Oeste (63%). Os dados foram coletados de 15 a 17 de fevereiro, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 2.500 entrevistas em 456 municípios, nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais.


Vinho - O ano de 2021 trouxe uma boa nova para os consumidores de vinho da região Sul. A bebida apresentou queda no preço de 3,6% em Curitiba e de 0,3% em Porto Alegre. Caso o movimento de baixa se concretize durante o ano, o fato pode ajudar a encorpar as vendas da bebida. No ano passado, o Brasil alcançou um recorde ao comercializar 28 milhões de litros. Enquanto o mercado cresceu 31%, os vinhos finos brasileiros avançaram 76%. O vinho de mesa foi outro fenômeno marcante em 2020. O incremento de vendas foi de 51,8 milhões de litros de vinhos de mesa consumidos no ano passado – avanço de 19%, atingindo a marca de 225,3 milhões de litros. O desafio é manter o mesmo nível de consumo ao longo deste ano e fazer com que a frequência se mantenha especialmente durante o inverno, período de maior procura desse tipo de produto. 


Só com teste negativo para Covid -  Sugiro que Balneário Arroio do Silva, Balneário Gaivota e Passo de Torres façam o mesmo que Garopaba, pois o município implantou barreiras sanitárias na entrada da cidade a partir do dia (25 para conter o fluxo de turistas e reduzir os episódios de lotação nas praias. A operação será feita pela Secretaria Municipal de Saúde, Polícia Militar e Polícia Rodoviária. A decisão pela medida ocorreu depois que outros estados publicaram decretos determinando fechamentos, como ocorreu no litoral gaúcho.


#PartiuEUA - O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, derrubou medida de seu antecessor, Donald Trump, que vetava a entrada de alguns imigrantes por representarem “risco para o mercado de trabalho”, incluindo aqueles que se beneficiam de vistos para parentes. Biden observou que impedir a chegada dessas pessoas não atende aos interesses dos Estados Unidos. Segundo ele, a medida de Trump também prejudica as indústrias que usam talentos de todo o mundo.